sexta-feira, 6 de maio de 2011

O Mundo é Negro

O mundo é negro, negro como um breu... Cada vez ouço mais as palavras daquele que dizia que tinha de crescer... Comecei a faze-lo, lentamente mas a faze-lo, mas o mundo cada vez mais e mais me puxava a crescer e ver o quanto feio ele é, acabou, cresci por completo, quase mesmo, de um momento para o outro, deu um salto que outrora pensei ser impossível, e que agora deixou para trás tudo o que era cor-de-rosa, o mundo de criança...
O mundo que, eu, acreditara ser eterno e bonito, o mundo onde eu imaginava, sonhava e era feliz... Agora? Agora resta-me as recordações... Umas boas, outras, muitas, muito más, mas no fundo, resta-me algo que sempre perdurará, O Meu Coração Puro, que, apesar de escondido do verdadeiro mundo, permanece aqui dentro a iluminar-me e a mostrar-me o caminho do bem, o caminho que irá derrotar a escuridão deste mundo horrível, sim, Há Sempre Sombra Onde Há Luz, e não é necessário luz para haver sombra, mas enquanto houver um bocadinho de esperança dentro de mim, o mundo JÁMAIS, ficará as escuras!
Agora? Agora sou adulto, Um Adulto de Coração Puro, tenho o que de melhor há nas crianças, a capacidade de acreditar no mundo cor-de-rosa, a imaginação fértil e os sonhos, mas, tenho também o que de melhor há num adulto, a capacidade de raciocínio, a força de viver, e a capacidade de seguir em frente e lutar por mais que custe!

2 comentários: